Roda de chimarrão tradicional

Faça sua reserva

A semana dos gaúchos está chegando, e o Acontece no Costão de hoje vai falar um pouco sobre a tradicional roda de chimarrão do RS.

O chimarrão é uma bebida de sabor amargo preparada com água quente (80°C) e erva-mate moída, sendo tomada em uma cuia com uma bomba. Originária de tribos indígenas sul-americanas, é muito consumida em diversas regiões do continente, mas foi no Rio Grande do Sul que a cultura do chimarrão se estabeleceu com mais força. No estado, além de ser muito comum consumir a bebida de forma individual, também é possível apreciá-la nas tradicionais rodas do mate.

A roda é iniciada com o preparador (geralmente o anfitrião da casa) tomando a primeira e a segunda cuia, que depois é passada para o primeiro à sua esquerda, e assim por diante. 

É possível entrar na roda a qualquer hora, mas depois disso, a etiqueta pede que espere até que chegue sua vez novamente. Após terminar a bebida, devolve-se a cuia com a mão direita para quem está servindo. Não deve-se agradecer a cada chimarrão consumido, pois quando a palavra “obrigado(a)” é pronunciada na roda ao final de um mate e devolvendo a cuia, é sinal de que o indivíduo está satisfeito e não beberá mais naquela oportunidade. 

Anotadas essas dicas, curta o seu chimarrão até o final, até que a cuia "ronque"! Não é agradável passar o chimarrão adiante sem o ronco, pois o próximo da roda tem direito a um novo mate com água nova e na temperatura adequada. 

***

O pacote Costão Farroupilha contará com um workshop especial de “Mate Experience”, com muitas outras dicas sobre a erva e o chimarrão. Além disso, show com a banda gaúcha Nenhum de Nós, orquestra de acordeon, festa gaudéria, churrasco fogo de chão e muitas outras atrações. Garanta a sua vaga aqui.

Pacotes